quinta-feira, maio 01, 2008

Oh baby, won't you play me, the Jazz hot




Em 96 tive o privilégio de ver, ao vivo, no Marquis Theatre, na Broadway, Julie Andrews na peça Victor Vitória, uma comédia musical sobre a troca de identidade de uma mulher que se faz passar por um homem que é um travesti, em busca da fama e do reconhecimento que, de outra forma, lhe era negado. Esta peça, que também é um filme, tem não apenas momentos absolutamente delirantes, diálogos fantásticos e situações no limiar do possível que fazem valer, absolutamente, que se veja, como foi a última vez que tivemos a oportunidade de ver Julie Andrews em palco num musical. De antologia. Mesmo!

Um comentário:

Bette Davis disse...

...é giro que vi o Victor Victoria, o filme, há uns dias...não acho que tenha uma banda sonora memorável, mas adorei ver a Julie Andrews num registo diferente do habitual...e há lines imortais...I'll sleep with you for a meatball...You are very kind, in fact you are every kind...